Master Of Simplicity

Essencial para bebé até 3 meses

Um bebé feliz é tudo o que queremos. Será necessário tanta coisa assim para esse resultado?

Digamos, amor, leitinho, amor, soninho, amor e muito amor de novo! Os bebés não precisam de muita coisa. Nestes primeiros três meses vi a minha bebé feliz por comer, dormir e interagir. O melhor momento dela foi no colo ou deitada esperneando as pernas e os braços!

Afinal o que é preciso para um bebé até aos 3 meses? Vou começar por explicar primeiro o processo da gravidez e em seguida já passo aos objetos!

 

Vamos começar pelo início!

Com a notícia da gravidez decidimos comprar o primeiro presentinho dela: uma chupeta (um bico, em brasileiro). Era um miminho dos pais. Durante os 7 meses seguintes não fizemos nenhuma compra. Entre o oitavo e nono mês consideramos o que era indispensável. Aguardamos o chá de bebé, no qual recebemos essencialmente roupa e algumas coisas muito úteis como uma manta e uma banheira, e acabamos por comprar apenas um carrinho para ela dormir nos primeiros meses.

Por estarmos temporariamente no Brasil, as pessoas perceberam também que não valia a pena oferecerem coisas pesadas, sem utilidade ou demasiado avançadas para a idade, pois iria pesar na viagem de regresso. Também senti o respeito por alguns amigos saberem que eu prefiro tudo que tem completa utilidade e lembro a querida Nice dizendo “eu vi uma saboneteira bonita, mas aí senti que poderias preferir fraldas!”. Querida amiga, essas fraldas foram perfeitas, não esqueço a tua intenção e sobretudo a tua lembrança do que seria mais pertinente para a família!

Os primeiros três meses são passados numa rotina em que dormir e comer é a satisfação plena! Mesmo enquanto mãe, não senti falta de nenhuma dessas engenhocas modernas que dizem facilitar a amamentação. O ingrediente chave é o amor e a paciência, sobretudo porque eu, habituada a trabalhar constantemente, tive de abrandar descomunalmente.

essencial-parabebe-ate-3-meses-2

Guia do essencial para o bebé nos primeiros três meses

  • Roupas. Não existe um número certo de peças pois cada região é diferente. No sul do Brasil em época de Inverno a roupa demora uma eternidade a secar. Consequentemente, é necessária mais roupa, sobretudo bodies e calças, uma vez que a probabilidade de sujar a fralda é grande! Acredito que a máquina de secar resolvesse esse problema (no Canadá usamos sempre!), porém no Brasil a eletricidade é muito cara e muitas pessoas optam até por esperar os dias de sol para lavar toda a roupa à mão.
  • Babete (babeiro). adoro o estilo bandana. É muito normal babar ou vomitar. E torna-se nada prático ficar trocando de camisola o tempo todo.
  • Bebé Conforto. Nas deslocações para o médico é indispensável desde início ter um modo confortável de transporte, inclusive que possa ser usado no carro. No segundo e terceiro mês o bebé passará várias horas nesta cadeirinha para realizar as deslocações.
  • Banheirinha. O banho é diário e, digamos, um dos momentos mais felizes. Ouvi falar de baldes e afins…mas pelo uso que fazemos, adoro a banheira e o conforto que ela sente em poder esticar-se e mover os membros dentro de água!
  • Manta. Eu diria uma daquelas fofinhas! Muitas vezes o choro do bebé deve-se ao frio. Quando ele fica bem quentinho adormece mais rápido. Experimente!
  • Travesseiro. No nosso caso foi feito pela avó, bem pequeno e delicadinho!
  • Fraldas. Estou tão ansiosa por experimentar as fraldas ecológicas, mas no sul do Brasil ainda não é algo fácil. Ainda considerei mandar vir, mas como a minha bebé nasceu em Julho (Inverno brasileiro), o frio e a humidade não permitem secar as fraldas com facilidade. Sendo uma situação temporária, estou contando em deixar as fraldas descartáveis brevemente!
  • Corta unhas de bebé. As unhas são bem pequenininhas mas crescem mesmo muito rápido!

 

Coisas não tão importantes que podem ser interessantes:

  • Carrinho de bebé. Confesso que nestes primeiros três meses, sendo Inverno, saímos pouco com o carrinho. Utilizamo-lo mais para ela dormir de noite, pois dada a nossa situação temporária, decidimos não comprar berço.
  • Biberão (mamadeira) de bebé. Em momentos raros utilizei para dar chá de camomila natural devido às cólicas fortes que ela teve a certo momento.
  • Soutien de amamentação. Acho super prático, ainda por mais se estiver fora de casa.

De salientar que refiro-me aos primeiros 3 meses! Curiosamente a minha bebé não aderiu à chupeta. Nestes primeiros meses não vi necessidade para mais nada, muito menos brinquedos. O mais importante é controlar as vacinas, verificar se o bebé está crescendo saudável e cuidar muito sobretudo no momento das cólicas. Eu mudei radicalmente a minha alimentação, especialmente porque percebi que derivados do leite davam muita dorzinha nela, então abominei não só qualquer alimento com lactose, como laranjas, chimarrão, alguns tipos de couves… Lá está, muito amor sempre!

O que vocês acrescentariam à lista? Ou retirariam? Como foram os primeiros 3 meses do vosso bebé?

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

EnglishPortuguese